quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Depois de racha no PSB, Antônio Campos vai discutir eleições de 2018 com Ciro Gomes

Foto: Sérgio Bernardo/ JC ImagemBlog do Jamildo

Em agenda nacional após o racha provocado no PSB de Pernambuco pelas suas declarações, o advogado Antônio Campos, irmão do ex-governador Eduardo Campos, tem uma nova viagem marcada para o próximo sábado (19). Pouco mais de uma semana após visitar o vice-governador de São Paulo, Márcio França, que articula o apoio dos socialistas ao governador Geraldo Alckmin em 2018, Antônio vai se encontrar com Ciro Gomes, outro provável candidato, para debater as eleições.

Ciro e o irmão, Cid Gomes, ex-governador do Ceará que também estará na reunião, eram filiados ao PSB até três anos atrás, quando brigaram com Eduardo Campos. Ciro e Eduardo chegaram a trocar farpas publicamente depois que o cearense criticou a candidatura do pernambucano à presidência, no ano seguinte, como oposição a Dilma Rousseff (PT).

Desde 2015, Ciro está no PDT, mas foi para o PROS quando deixou o PSB. Outras lideranças políticas do clã Ferreira Gomes participarão do encontro com Antônio Campos.
Agenda nacional após críticas

Dias após acusar lideranças locais do PSB, incluindo a cunhada Renata Campos e o governador Paulo Câmara, de se articular contra a sua candidatura em Olinda, Antônio Campos foi a Brasília entregar um documento com a denúncia ao presidente nacional do partido, Carlos Siqueira. No mesmo dia, participou do lançamento do Cartão Reforma com o ministro das Cidades, Bruno Araújo, que o apoiou no segundo turno.

Antônio Campos ainda viajou a São Paulo para encontrar o vice-governador socialista Márcio França. O irmão de Eduardo Campos convidou França e Alckmin para a celebração do centenário de Miguel Arraes.

Nenhum comentário :

Postar um comentário