quarta-feira, 4 de janeiro de 2017

PMDB: com Jarbas Vasconcelos candidato ao senado, Raul Henry deixa vice de Paulo Câmara na chapa de 2018

Jarbas Vasconcelos. 
Foto: Antonio Araújo /Câmara dos Deputados

Pinga Fogo

A eleição está longe. Mas já se cristaliza na Frente Popular a certeza de que em 2018 uma das duas vagas ao Senado na chapa do governador Paulo Câmara (PSB) será do deputado Jarbas Vasconcelos (PMDB). Para aliados, porém, confirmada a tese o PMDB abriria mão de reconduzir o vice-governador Raul Henry, presidente estadual do partido. Raul, respeitado nome da Frente Popular, poderia concorrer à Câmara Federal.

Eleito com Raul na vice, Paulo mostra ao PMDB o prestígio do aliado, que levará a pasta de Desenvolvimento Econômico e, em 2018, deve ter Jarbas candidato ao senado. O ponto é: o PSB precisa equilibrar a atenção com outros aliados também. Não daria para ter o PMDB na vaga do senado e na vice.

Ex-senador, ex-governador e ex-prefeito do Recife, Jarbas é, ao lado de Raul, o pilar político do PSB fora da sigla no Estado. É uma ironia, após a histórica rivalidade de Jarbas e o falecido Eduardo Campos, que derrotou o peemedebista pela vitória acachapante de 2010. Em 2012, o próprio Eduardo reabilitou Jarbas, na trajetória rumo a campanha presidencial de 2014.

O PMDB é valorizado pelo PSB, que costura com cuidado. A questão é ter equilíbrio de forças na chapa majoritária.

Nenhum comentário :

Postar um comentário