domingo, 19 de fevereiro de 2017

Polêmico, Clássico das Multidões termina em igualdade

Jogo foi marcado pelo excesso de faltas de ambos os timesFoto: Arthur Mota

Mario Fontes
Folha de Pernambuco

Um dos papéis da principal estrela de um time é chamar a responsabilidade na hora certa. Foi justamente isso que Diego Souza e Halef Pitbull fizeram no primeiro Clássico das Multidões do ano. Os dois marcaram no primeiro Clássico das Multidões do ano, um empate entre Santa Cruz e Sport neste sábado (18) pelo Campeonato Pernambucano, no Arruda.

O jogo começou quente, com muitas faltas e reclamação dos dois lados. No primeiro lance de ataque, Leandro Pereira acertou o zagueiro Jaime com um chute e levou cartão amarelo. No segundo, uma falta em Everton Felipe levou a mais um amarelo na partida. Esta foi a tônica do primeiro tempo, que teve cinco cartões ao total: dois para o Sport e três para o Santa Cruz.

Além das faltas, o que se viu foi um Sport mais calmo, com maior posse de bola. Já o Santa tentava capitalizar as suas oportunidades, o que fez com que o time errasse muitos passes.

O primeiro bom lance veio aos 27 minutos, quando o atacante Halef Pitbull recebeu bola sozinho, cara a cara com Magrão. O goleiro do Leão fez falta fora da área no atacante tricolor, mas o jogada foi parada com impedimento. Tanto a torcida quanto os jogadores do Santa reclamaram com o árbitro Sebastião Rufino Filho, mas o jogo seguiu.

Logo depois, foi a vez do Sport ter uma grande chance. Rithely cabeceou para uma bela defesa de Júlio César. Porém, aos 39, em meio às faltas e reclamações, o astro maior do Sport, Diego Souza, abriu o placar. O meio-campo recebeu passe de Ronaldo na meia-lua da grande área do Santa, girou e acertou um belo chute de esquerda no ângulo do gol de Júlio César. Com vantagem no marcador, o clube rubro-negro administrou a partida até o intervalo.

No segundo tempo, sem Daniel Paulista e Vinícius Eutrópio, expulsos no intervalo, o Clássico das Multidões voltou com a mesma rotina da primeira etapa: jogo duro com muitas faltas. Logo aos três minutos, o Santa ficou com um a menos. O atacante André Luís levou o segundo amarelo, por simulação de pênalti, e foi expulso.

Porém, mesmo com desvantagem numérica, o Tricolor chegou ao empate em um contra-ataque. Thomás recebeu passe de Vítor na grande área, bateu para o meio da área onde Halef Pitbull estava, para igualar o placar. Festa da torcida tricolor e do artilheiro coral.

A partir daí, o jogo mudou de panorama. Da tranquilidade dos rubro-negros com a posse de bola para à postura mais incisiva dos tricolores. Sem conseguir capitalizar as chances, o time da casa recuou. O Leão, com maior posse de bola, tentava, mas esbarrava na muralha postada pela defesa tricolor.

Diego Souza ainda tentou aos 40 minutos, de falta, mas Júlio César praticou outra grande defesa. Sem balançar as redes, o Leão viu escapar a vitória mesmo tendo mais jogadores em campo. Com isso, o primeiro Clássico das Multidões do ano terminou empatado em 1x1.

Com o resultado, o Sport continua na liderança do Hexagonal do Título com oito pontos, enquanto que o Santa é o terceiro com seis. O próximo jogo do Santa Cruz será no próximo sábado (25), pela Copa do Nordeste contra o Uniclinic-CE. Já o Sport entra em campo na quarta-feira (22) pela Copa do Brasil contra o Sete de Dourados-MS, na Ilha do Retiro.

Ficha do Jogo 

Santa Cruz 1
Júlio César, Vítor, Jaime, Bruno Silva e Roberto; Elicarlos (Wellington Cézar), David e Thomás (Thiago Primão); Everton Santos, André Luís e Halef Pitbull (Wiliam Barbio). Técnico: Vinícius Eutrópio.

Sport 1
Magrão, Samuel Xavier, Ronaldo Alves, Durval e Mansur; Rithely, Ronaldo (Rodrigo) e Diego Souza; Rogério, Everton Felipe (Lenis) e Leandro Pereira (André). Técnico: Daniel Paulista.

Local: Estádio do Arruda
Arbitragem: Sebastião Rufino Ribeiro Filho (PE)
Assistentes: Marlon de Oliveira e Bruno Cesar Chaves (ambos de PE)
Cartões Amarelos: Leandro Pereira, Ronaldo, Rogério (Sport); Thomás, Halef Pitbull, André Luís, Júlio César, Wellington Cézar (Santa Cruz)
Cartões Vermelhos: André Luís (Santa Cruz)
Gols: Diego Souza (Sport, 39’), Halef Pitbull (Santa Cruz, 13’ST)
Público: 12.408
Renda: R$ 135.830,00

Nenhum comentário :

Postar um comentário