sexta-feira, 17 de março de 2017

Bandidos amarram vigilante e assaltam estação de BRT em Paulista

TV Jornal

A estação de BRT que fica no Bairro Vila Torres Galvão, em Paulista, no Grande Recife, foi assaltada no final da noite dessa quinta-feira (16). Segundo o sindicato dos Rodoviários, três homens armados chegaram à Estação Hospital Central renderam o vigilante. Ele teve as mãos amarradas.

Em seguida, os bandidos levaram a arma dele e a máquina de recarga do VEM, que guarda o dinheiro inserido pelos passageiros ao recarregar o cartão, e pesa cerca de 150 quilos. O vigilante foi liberado em seguida, e prestou queixa na Delegacia de Paulista.

A máquina de recarga ficava em uma área de venda de bilhetes, que hoje pela manhã estava vazia. No chão foi deixada a corda usada para amarrar as mãos do vigilante, que trabalhava no local na hora do assalto.

Violência constante

O assalto registrado na Estação Hospital Central, em Paulista, não foi um episódio pontual. Os passageiros que frequentam o local dizem que outros casos já aconteceram por lá. "São de três a quatro todo mês. Só esta estação aqui já foi assaltada umas três vezes", disse o porteiro Jorge Lima.

A aposentada Nadjane Bezerra disse que fica com tanto medo, que evita usar o transporte. "Eu sempre vou para onde preciso com meu marido, mas hoje não deu. Fico com medo de entrar na estação e no ônibus", comentou. Até os motoristas dos BRT's dizem ficar apreensivos com a insegurança. "Eu trabalho assustado. Fico só esperando algo pior acontecer a cada estação que me aproximo", contou Emerson Barbosa.

Nenhum comentário :

Postar um comentário