quarta-feira, 14 de junho de 2017

Júnior Matuto vai recorrer de ação que determinou a perda do seu mandato

Diário de Pernambuco

O prefeito de Paulista, Júnior Matuto (PSB), vai entrar com uma ação, nesta quarta-feira (14) para que o juiz Leonardo Asfora reveja a decisão que determinou, na última segunda-feira (12), a perda de seu mandato e dos direitos políticos por oito anos sob a alegação de abuso de poder econômico na eleição passada. O juiz da 12ª Zona Eleitoral considerou que a prestação de contas da campanha de Júnior Matuto e do vice, Jorge Carreiro (PCdoB), tinha irregularidades e omissões graves. 

Segundo o chefe de gabinete do prefeito, Francisco Padilha, o gestor está tranquilo por entender que houve uma falha processual. Ele explicou que o TRE tinha considerado a prestação de contas irregular, mas quando a chapa vencedora entrou com recurso, que também foi analisado nesta última segunda-feira (12), o tribunal aceitou as alegações finais e aprovou a prestação por 6 a 0. Francisco informou que, se o juiz não acatar o embargo de declaração, a chapa vai se defender no TRE. Leonardo Asfora julgou uma Ação de Impugnação de Mandato Eleitivo impetrada pelo PTN e PHS, cujos representantes legais são Samuel Filho e Fernando Sá.

Nenhum comentário :

Postar um comentário