domingo, 30 de julho de 2017

Usuários reclamam de dificuldade para obter o conversor digital da TV

Edilson Gomes não conseguiu receber um conversor
Foto: Brenda Alcântara

Folha de Pernambuco

Após o desligamento do sinal analógico de TV na Região Metropolitana do Recife, uma parcela da população ainda não conseguiu acessar o sistema digital. Isso porque, apesar do elevado índice de adesão ( 92,43%, o maior já registrado no Brasil), consumidores relataram dificuldades para obter os kits do conversor e antena digital para instalar em suas TVs. 

Morador do bairro de Santo Amaro, o biscateiro Edilson Gomes, 52 anos, cadastrado no Bolsa Família, disse que ligou para o programa com o objetivo de agendar o seu horário para retirar os aparelhos e não obteve retorno do Seja Digital - serviço criado para dar suporte à população na transição entre os sistemas. Outro morador, Cristiano Tavares, 25, contou que tem duas TVs em sua residência, mas que só conseguiram um kit conversor, obtido por sua irmã, que é cadastrada no Bolsa Família.

Um caso que chamou a atenção foi o de José Marcelino de Oliveira, 71, que é aposentado e tem o número do NIS. Ele disse que ligou para o número do Seja Digital, recebeu a informação de que não foi contemplado com o kit e teria que esperar 8 meses para receber o equipamento.

Por outro lado, o técnico em micro-ondas Antônio da Silva, 69 anos, que também conserta televisores, revelou que a mudança no sinal de analógico para digital elevou a procura por seus serviços. Ele foi contratado para fazer a instalação dos conversores e antenas nas casas de quem conseguiu o aparelho.

Distribuição
O programa Seja Digital, informou através da gerente regional Neilza Buarque, que os kits começaram a ser distribuídos em meados de maio para as pessoas cadastradas em programas sociais do Governo Federal e que têm o número do NIS.

Segundo ela, mesmo após o desligamento do sinal analógico de TV, o programa Seja Digital continuará atuando na Região Metropolitana do Recife por pelo menos 45 dias. Nesse período ainda serão distribuídos kits e dúvidas da população devem ser esclarecidas. Por isso, as pessoas ainda podem ligar para o número 147 e ou acessar o site sejadigital.com.br para saber se têm direito ou não ao benefício e, assim, realizar o agendamento para realizar a retirada do conversor e da antena digital.

Neilza lembra que as pessoas que não possuem cadastro em algum programa social do Governo Federal, mas que apresentem baixa renda e não tiveram acesso ao kit da antena digital e do conversor, devem fazer o seu cadastro no programa através do telefone ou do site da Seja Digital, para poder fazer a retirada do kit a depender da quantidade de kits disponíveis.

Nenhum comentário :

Postar um comentário