quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Santa perde do Corinthians e se aproxima da Série B


Fernando Barros
Folha-PE

A via-crúcis do Santa Cruz na Série A parece interminável. Em jogo disputado em Cuiabá, na Arena Pantanal - pois o Tricolor vendeu o mando de campo - a equipe pernambucana até começou bem, mas não resistiu à disparidade técnica e perdeu por 4x2 para o Corinthians, nesta noite. O resultado deixa a Cobra Coral em situação ainda mais drástica. O time segue na penúltima posição, com 23 pontos, 11 a menos do que o Sport - 16º colocado - a oito rodadas para o final do torneio. Já o Timão chegou a 45 pontos e é o sétimo.

No início do duelo, o Corinthians mostrou leve vantagem. Marlone recebeu na cara de Edson Kolln, mas chutou para fora. O Santa respondeu em ótima jogada de Keno, que deixou Grafite livre para marcar, mas o centroavante acertou a bola em Walter. O Tricolor começava a crescer no confronto. E a confirmação disso veio aos 30 minutos, quando Uillian Correia deu passe primoroso para Keno. O atacante bateu rasteiro, Walter defendeu, e, no rebote, Grafite não perdoou, abrindo o placar para o time pernambucano.

No entanto, para infelicidade coral, a reação corintiana não tardou. Após jogada iniciada em lateral, Marlone cruzou rasteiro para Guilherme, que dominou com tranquilidade e bateu, tirando de Edson Kolln, igualando o placar. Após o intervalo, o Timão veio disposto a liquidar a fatura o quanto antes. E logo aos dois minutos, Marlone fez jogada individual pelo lado esquerdo da defesa adversária e bateu de canhota, virando o placar. Pouco depois, Giovanni Augusto cruzou e Guilherme, de peixinho, fez 3x1.

O resultado parecia decretar a morte do Santa Cruz. Mesmo assim, o Tricolor seguiu criando boas oportunidades. Após uma boa troca de passes na entrada da área corintiana, a bola sobrou para Keno, que arrematou forte, sem chances para Walter, diminuindo para 3x2, aos 35 minutos da etapa final. No entanto, aos 46 minutos, o Timão finalizou as chances de reação coral. Após uma jogada de bola parada, Marquinhos Gabriel cruzou da esquerda e Lucca, de carrinho, completou para o gol, fechando o placar: Santa Cruz 2x4 Corinthians. 

Ficha do jogo:
2 Santa Cruz
Edson Kolln; Léo Moura, Danny Morais, Neris e Roberto; Uillian Correia, Jadson (Marion) e João Paulo (Wagner); Arthur, Keno e Grafite (Bruno Moraes). Técnico: Doriva

4 Corinthians
Walter; Léo Príncipe, Pedro Henrique, Balbuena e Uendel; Camacho (Willians), Giovanni Augusto (Cristian), Marquinhos Gabriel, Rodriguinho e Marlone; Guilherme (Lucca). Técnico: Fábio Carille

Local: Arena Pantanal (Cuiabá). 
Árbitro: Grazianni Maciel Rocha (RJ). Assistentes: Eduardo de Souza Couto e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (ambos do RJ).
Gols: Grafite, aos 30 minutos do 1ºT; Guilherme, aos 38 minutos do 1ºT; Marlone, aos dois minutos do 2ºT; Guilherme, aos nove minutos do 2ºT; Keno, aos 35 minutos do 2ºT; Lucca, aos 46 minutos do 2ºT.
Cartões amarelos: Neris (S); Willians, Marquinhos Gabriel (C).

Nenhum comentário :

Postar um comentário