quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

“O maior interessado na verdade sou eu”, diz Lula a Moro

Julia Affonso, Mateus Coutinho, Ricardo Brandt e Fausto Macedo
O Estado de S.Paulo

Durou 9 minutos e 44 segundos o primeiro ‘encontro’ entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o juiz federal Sérgio Moro, que conduz as ações da Operação Lava Jato. O petista foi arrolado como testemunha de defesa do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e prestou depoimento por meio de videoconferência, de São Bernardo do Campo (SP).

“Sr ex-presidente, como eu lhe adiantei, Vossa Excelência foi arrolada como testemunha. Na condição de testemunha, Vossa Excelência tem um compromisso com a Justiça em dizer a verdade e responder as questões que lhe foram feitas. Perfeito?”, afirmou Moro.

“Olha, eu fui, inclusive, comunicado pelos meus advogados que não seria necessário responder, mas eu quero dizer que eu faço questão de responder. O maior interessado na verdade sou eu”, disse Lula.

“A Justiça agradece, sr ex-presidente”, retornou o juiz da Lava Jato. “Vou advertir Vossa Excelência apenas pelo que diz o Código de Processo Penal, que se Vossa Excelência faltar com a verdade, Vossa Excelência fica sujeita a um processo criminal, certo?”

“Certo”, afirmou Lula.

Nenhum comentário :

Postar um comentário