domingo, 5 de março de 2017

Vazamento de barragem da transposição em Sertânia foi contido, informa ministério

Barragem de Barreiros em Sertânia apresenta grave vazamento e atinge a zona rural
Foto: Sertânia Vip

Folha-PE

O rompimento do reservatório de Barreiros, ocorrido nesta sexta-feira (3) em Sertânia, no Sertão de Pernambuco, foi "totalmente contido" na madrugada deste sábado (4). A informação é do Ministério da Integração Nacional. O reservatório fica entre as estações de bombeamento 5 e 6 (EBV-5 e EBV-6) do Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco.

Em nota, o ministério informa que técnicos das empresas responsáveis pelas obras do projeto trabalharam durante toda a noite para fechar o vazamento. A barragem havia sido inaugurada há um semana e começou a vazar nesta sexta, destruindo estradas e desalojando 60 famílias de dez comunidades diferentes. Na nota, o Ministério informa, porém, que as causas do vazamento ainda não foram identificadas. "Mas os técnicos continuam na área monitorando e fazendo análises".

Após o rompimento, o Ministério Público Federal pediu ao Ministério da Integração Nacional a elaboração de um laudo pericial em cinco dias que assegure que o reservatório de Barreiros não teve sua estrutura danificada.

A recomendação enviada à Secretaria de Infraestrutura Hídrica, em Brasília, quer a garantia de que a vazão de água gerada pelo vazamento não afetará outras barragens, como a de Poções e Camalaú, na Paraíba. Assim como Barreiros, ambas são parte do eixo leste da Transposição.

Moradores de Sertânia relatam que, após vazamento do reservatório de Barreiros, a passagem da água deixou muitos animais mortos e devastação ambiental. No vídeo enviado ao Portal FolhaPE, é possível ver uma árvore e um cavalo sendo arrastados pela força da água (veja em 2:27).

Nenhum comentário :

Postar um comentário