segunda-feira, 8 de maio de 2017

Ação do Facebook contra notícias falsas chega aos jornais

Desde o final de 2016 o Facebook tem apostado no combate às notícias falsasFoto:Wikimedia Commons

Nathália Guimarães
Leia Já

O Facebook está levando sua campanha contra as notícias falsas para além do mundo virtual. Esta semana, a maior rede social do mundo publicou anúncios de páginas inteiras em vários jornais britânicos, incluindo o The Daily Telegraph, The Guardian e The Times, alertando os leitores a pensarem duas vezes antes de acreditarem nas histórias que veem em sua linha do tempo.

Os anúncios oferecem os mesmos conselhos que a rede social já havia compartilhado online. Verificar as manchetes que leem em mais de uma fonte, principalmente aquelas mais apelativas em letras maiúsculas, e conferir as datas dos fatos, estão entre as principais dicas.

Os anúncios estão aparecendo nos jornais do Reino Unido bem a tempo das eleições gerais do país, que estão marcadas para 8 de junho. O Facebook tem sido criticado por deixar as notícias falsas se proliferarem em sua rede, e especialistas acreditam que esse fenômeno semeou a desconfiança política e aprofundou as divisões partidárias.

"As pessoas querem ver informações precisas no Facebook e nós também. É por isso que estamos fazendo tudo o que podemos para resolver este problema", informou o diretor de política do Facebook no Reino Unido, Simon Milner, jornal ao Financial Times. Desde o final de 2016 a rede social tem apostado no combate às notícias falsas.

Nenhum comentário :

Postar um comentário